Sites alertam de possível greve nas universidades federais após o carnaval

Nesta segunda-feira (17), vários portais de notícias divulgaram uma possível greve nas universidade federais após o carnaval. O fato tem repercutido e preocupado estudantes de todo o país, de modo particular os que estão prestes a se formar. 

A matéria publicada no site da Veja declara que Os professores das universidades federais decidiram entrar em greve em 19 de março. A decisão foi tomada no fim de semana no 33ª Congresso do Sindicato Nacional dos Docentes das Instituições de Ensino Superior (Andes-SN). Segundo nota divulgada no site do sindicato, "haverá uma reunião nacional do setor, pautando a retomada da greve dos docentes, suspensa em 2012".

Já a matéria que foi publicada no site Correio Braziliense afirma que Professores de instituições federais de ensino superior marcaram um dia nacional de paralisação em 19 de março. A decisão foi tomada durante o 33º Congresso do Sindicato Nacional dos Docentes das Instituições de Ensino Superior (Andes-SN), no último fim de semana. Está na pauta de discussão do movimento a retomada da greve dos docentes, suspensa em 2012.

No Portal de Notícias Bol, as informações dão conta que De acordo com o calendário de mobilização, entre os dias 24 e 28 de março serão realizadas rodadas de assembleias gerais das seções sindicais para discussão da retomada da greve, que foi suspensa em 2012. Nos dias 29 e 30 de março, haverá uma reunião, em Brasília, para analisar os resultados e decidir se a categoria entrará em greve novamente.

A matéria publicada no Diário do Nordeste destaca que a Universidade Federal do Ceará não está associada ao Sindicato Nacional dos Docentes das Instituições de Ensino Superior (Andes-SN). Portanto, não deverá aderir a greve. A notícia ainda ressalta que De acordo com o Sindicato dos Trabalhadores das Universidades Federais no Estado (SINTUFCe), a categoria não tem indícios de greve na atual gestão de diretoria, que dura até o fim de março de 2014. O Sindicato dos Docentes das Universidades Federais do Estado do Ceará (ADUFC) informou que levará o debate para suas assembleias, mas ainda não tem nenhum posicionamento sobre o assunto.

O posicionamento do portal Veja sobre a greve é bem declaratório, pois o texto já afirma que haverá greve. No entanto, as informações dão conta de que haverá uma paralisação no dia 19 de março e em seguida rodadas de discussões para deliberar se a greve será ou não deflagrada nas universidade federais. Os portais Correio Braziliense e Bol foram mais sensatos neste sentido por apresentarem as informações sem especulações.